domingo, 28 de janeiro de 2007

Amor light?

Ao passar por um blog ,
encontrei por lá
um post muito curioso que me levou a reflectir!!!

Será que as pessoas se casam sem terem consciência daquilo que é o casamento?
Será que existe alguém que se casa para ver se dá certo?
Será que se vive um amor light?

Dizem,

os entendidos em estatísticas,

que os divórcios estão a aumentar.
Porque será?
Falta de diálogo entre os casais?
Falta de confiança mútua?
Falta de preparação para o casamento?
Ou será que as pessoas andam a viver um amor light?

Para mim,
só existe Amor,
cheio de calorias,
cheio de sentido e sentimento!
Amor que se experimenta,
Sente-se e experimenta-se!



É difícil dizer em palavras, mas…
Tipo:
Temos o café!
Temos o leite!
Juntamos…
E temos um “galão”!!!

Há quem consiga beber, mas…
Se metermos umas colherezinhas de açúcar…
a coisa fica melhor!
Fica mais saborosa,
mais doce!

O Amor é isso,
é esse açucar que não se vê

mas saboreia-se!

Infelizmente, há muita gente que bebe o “galão” sem açúcar!
Também há muita gente que casa sem amor!

Infelizmente, há muita gente que bebe o “galão” com adoçante!
Também há muita gente que casa com amor light!


Por tudo isto

há muitos casamentos que azedam!!!

Mas…
Felizmente, há quem beba o “galão” com açúcar!
Também

ainda há quem case com Amor

e por Amor!

O Amor não se descreve

e muito menos se escreve!
Ele Experimenta-se!


Ups! (.”)

16 comentários:

elsa nyny disse...

Olá Né!!!

estas coisas dos casamentos e dos divórcios, tem muito que se lhe diga!!! Não acho que as pessoas casem sem amor, não!
È que o amor como diz e muito bem o grande Paulo Coelho...(vou citar masi ou menos, não sei literalmente) ..." ...o amor manifesta-se com toda a sua luz, o seu esplendor, e não mostra o outro lado..." ou seja...esta agitação do amor, não dura sempre (pensavas que sim?' ahahahaha), depois as coisas acalmam, e é nessa altura que ou se direcciona o amor, para o companheirismo, para os filhos, ou então, aliás como faz a maior parte do pessoal...parte em busca de novas agitações! ahaha!!
percebeste??? Sou casada há 14 anos! E não azedou!!! Graças a Deus!!!

Tudo de bom!!!

Beijinhos!!!


:))

Pe. Vítor Magalhães disse...

"Se não tiver caridade nada sou"

Feripalípula disse...

Hola!!! Había perdido tu link cuando me cambié a la nueva versión de Blogger!!!!!


Y te encontré nuevamente en lo de Víctor!!!!

Dios es nuestro modelo perfecto de Amor...Con él em nossa vidas é possivle conhecer o amor, e fazerlo possivel en nossas vidas, en nosso compartilhar...
Nao sei escrever muito bom, mais alho que va dar para comprender-me???Sim????

Deus te abenÇoe!!!!!!

Ferípula disse...

Uy...estaba con la otra firma!

Bueno, te invito a ver el blog de Pali (Paula) y mio. Es lindo, sobre familias.
Está en la firma anterior...Ferípula con antifaz!!! :)

No me deja firmar con mi foto...:(

mymind disse...

hehe paredes frescas =)
gostei do post e boa analogia,hehe!! eu axo k hj em dia as pexoax sabem kd vez mais mens sobre o amr verdadeiro!
bjts

disse...

Olá Elsa Nyny,
Talvez seja falta de atenção pelo Amor,
Talvez se deixe ir o açúcar ao fundo!
Pois, porque é necessário mexer o açúcar para que ele se dissolva!
É necessário cultivar o Amor no casal todos os dias, com um sorriso, um beijo, uma flor, um gesto, em fim… símbolos que nos revertem para a verdadeira realidade que é amar!
Quem sou para estar a ensinar-te estas coisas, pois tu estas casada há 14 anos!
Parabéns!

Bijoka

;)

Olá Vítor,
A caridade é sempre muito boa!

Abraço

Feripalípula,
Deus é Amor!
Ele de facto é o Grande modelo do Amor!
Ele próprio é Amor!

Ferípula,
Eu entendo muito bem aquilo que escreves!
Podes escrever em Espanhol claro!

Bijoka!
Sempre bom ver-te por aqui!

;)

MyMind,
De facto tenho paredes pintadas de fresco!
Pois a analogia é boa!
Mas esqueci-me de dizer que é necessário mexer o açúcar!
Pois o Amor é necessário ser trabalhado… é necessário gestos atitudes, sinais…
Tal como disse à Elsa.

Bijokas

;)

Visi disse...

A tua questão resume-se apenas numa palavra:PAIXÃO!

O Homem esta afastado do Deus que criou esse AMOR, vivendo apenas para preencher os sentidos.

"O AMOR TUDO SOFRE, TUDO SUPORTA"

O verdadeiro amor é dar a vida pelo outro.

Estaremos nos, tao secularizados,capazes de entender e sentir esse amor???NAO CREIO!

Ferípula disse...

Bueno, recién postée . Sobre mis manones, pequeñitos. A ver si te gustan?

Besitos!

Maria Cristina disse...

saludos desde Bolivia, espero que siempre tengas un amor bueno, ese amor del bueno y no un amor light que me sabe a pasajero, saludos

disse...

Olá Visionária,
talvez tenhas razão!
As paixões vão e vêm,
O Amor permanece!
Como tu dizes, e bem, ele tudo suporta!

até à vista!
viva Portugal!

Olá Ferípula,
os teus "manones pequeñitos" são mui guapos!!!
me ha ficado encantado!!!

hasta la vista!
Viva la Argentina!

Olá Maria Cristina,
De facto o amor light é passageiro, será mais uma paixão momentanea...?

hasta la vista!
Viva la Bolivia


bijokas para todas!
;)

peace_love disse...

Felizmente o meu amor não é nada light.pelo contrário! Mais de 1 ano de namoro e continuo a só ter olhos para ele e ele para mim. Por aqui somos felizes! :)

elsa nyny disse...

Olá Né!!!

Venho rectificar uma coisa! ahahah!!
è que já são tantos anos que acabei me confundindo - 15 anos - e não 14 de casamento, aliás daqui a uns meses - 16 anos - !!
Uma vida inteira!!!


beijinhos!

:))

disse...

Olá peace_love
fico contente por dizeres que o teu amor não é nada light!
O namoro é de facto muito importante!

Olá Elsa,
15 anos de casamento!
isso é muito bom!

bijokas
;)

Ana disse...

"O Amor não se descreve

e muito menos se escreve!
Ele Experimenta-se!"

Não tenho experimentado coisas boas... Só desilusão! Dou e pouco recebo... Talvez seja por isso... tenho de ser mais exigente! Há dias em que só sinto o vazio. Onde está o amor?!

Beijinhos

joana disse...

Ouvi-te falar no "amor light" na homilia e achei piada ao conceito.
agora li este texto e mais piada ainda encontrei, só que o problema não está na quantidade de açucar, mas sim no desconhecimento da gramática.
Amor com muito ou pouco açucar é sempre amor e cada um deve tomá-lo a seu gosto, mas amor, paixão e sexo são coisas muito diferentes.
A paixão é como os amores de verão, chega aquece e depois fica enterrado na areia e é lavada pelo mar. O sexo dura o tempo de se practicar, depois só fica um suor sujo. O amor, quando aparece não se esfuma, não é sujo, aguenta todos os vendavais, pode dobrar mas não parte, é a essencia das palavras, sexo e paixão são só adereços.
Ass: V. Sousa

Estrelinha* disse...

Olá Né.. Antes de mais parabéns pelo teu blog…já li alguns dos teus post, e deixa-me te dizer que gostei muito, mas este em particular. Bem, é uma comparação muito original e com muita verdade à mistura…talvez eu tenha que passar a beber o galão com muito açúcar, para dar outro sentido à minha vida…pois, ultimamente tem andado um pouco “Amarga”…

Beijinho
Marisa